POR QUE FAZER INTERCÂMBIO NO CANADÁ? 5 BONS MOTIVOS

Experimento Experimento | 31 julho, 2020
Compartilhar:

Fazer intercâmbio no Canadá é, sem dúvidas, o sonho de muitos brasileiros. O país está há, nada mais, nada menos, do que 14 anos seguidos no topo do ranking dos destinos preferidos pelos intercambistas do Brasil. Isso é o que afirma a pesquisa Selo Belta 2019, realizada pela Associação Brasileira Especializada em Educação Internacional (Belta).

Você já parou para pensar o que leva o estudante brasileiro a morar no Canadá? Afinal, optar por um intercâmbio no Canadá é conviver com uma realidade climática bem diferente daquela encontrada em um país tropical. Para se ter uma ideia, o inverno em Toronto, por exemplo, chega a registrar temperaturas médias -5ºC. Deu até pra ouvir um “Let it Go” por aqui! 

Brincadeiras à parte, o fato é que existem muitas razões para o brasileiro fazer intercâmbio no Canadá. Desta vez, listamos 5 motivos dessa imensa lista para te inspirar. Vale lembrar que existem diversos programas de intercâmbio no Canadá e, certamente, um deles combina com o seu momento de vida. 

Você pode fazer não só um curso de inglês no Canadá, mas também curso de francês (o país é bilíngue, lembra?), faculdade e até mesmo estudar e trabalhar no país! Seja qual for a modalidade escolhida, a Experimento tem as melhores condições para você realizar o sonho do intercâmbio no Canadá. 

Agora vamos às 5 razões para fazer intercâmbio no Canadá.

intercambio no canadá

1. Qualidade de vida durante o seu intercâmbio no Canadá

Cidades como Vancouver, Toronto e Montreal estão frequentemente em estudos que citam as melhores cidade do mundo para se viver. Quem decide fazer intercâmbio no Canadá não demora a notar a qualidade de setores como saúde, educação, transporte público, economia, segurança e, principalmente, multiculturalidade. 

Aqueles que amam andar de bicicleta, tem um motivo a mais para morar no Canadá. Montreal e Vancouver foram citadas no Índice Copenhagenize, que indica as 20 cidades mais bike-friendly do mundo. Isso significa que o país também tem muito a ensinar sobre sustentabilidade, não é mesmo?

2. Porque viajar para o Canadá é mais fácil

Diferente da Austrália ou de alguns destinos da Europa, o voo direto para o Canadá é mais curto (cerca de 10 horas) e as passagens aéreas costumam ser mais em conta. Esse é um fator que o estudante brasileiro que decide fazer intercâmbio no Canadá de longa duração deve considerar. Afinal, pode facilitar e muito a visita da família e dos amigos.

Outro ponto que favorece o destino é a emissão do visto canadense. Acredita que menos de 5% dos pedidos de visto para o Canadá são negados? Pois é, a taxa de rejeição é bem baixa se comparada a outros países e o processo tende a ser bastante simples. 

Visto online para o Canadá: como tirar?

Desde 2017, o governo do Canadá oferece a Autorização Eletrônica de Viagem (Electronic Travel Authorization), mais conhecido como eTA. A opção é válida para brasileiros que tenham tirado visto canadense nos últimos dez anos ou que possuam visto americano válido. 

Você se encaixa nesse perfil? Se a resposta for sim, é só entrar no site do governo do Canadá, colocar os seus dados e pagar uma taxa de 7 dólares canadenses. Na maioria dos casos, o solicitante tem o eTA aprovado e confirmado por e-mail em poucos minutos. O tempo de permanência no Canadá com o eTA é de seis meses. 

Visto de residente temporário no Canadá: como tirar?

Se você não se encaixa nos requisitos do eTA, você deverá solicitar o visto de residente temporário para fazer intercâmbio no Canadá. Entre na página de Imigração do Governo do Canadá e responda a pesquisa com os dados da sua viagem para confirmar o tipo de visto necessário. 

O tempo de permanência no Canadá com o visto de residente é o mesmo do eTA, ou seja, seis meses. O que muda é o valor da taxa. Nessa modalidade, você deverá pagar o equivalente a 100 dólares canadenses.

3. Possibilidade de trabalhar durante o intercâmbio no Canadá

Em alguns países, é possível aliar um visto de estudante à permissão de trabalho e, felizmente, o Canadá é um deles! Isso significa que você pode estudar e trabalhar para custear o seu intercâmbio em Toronto, Vancouver o qualquer outra cidade do território. 

Para estudar e trabalhar no Canadá, o estudante brasileiro deve ter Ensino Médio completo e inglês nível Upper Intermediate. Além disso, o aluno preciso se matricular em um College no Canadá, isto é,  um curso vocacional com foco em profissões. Você pode fazer cursos de Marketing, Durismo, Designer, Estética, Administração e muito mais! 

Caso você não tenha o nível de inglês Upper Intermediate, basta estudar em um curso de idiomas tradicional até atingir a meta e, assim, ingressar em um College no Canadá. Áreas de serviços, atendimento ao público e hotelaria por exemplo, são as que mais empregam imigrantes. Vale lembrar que você só poderá trabalhar 20 horas por semana no Canadá. Quando o assunto é salário no Canadá, a média é de 14 a 16 dólares canadenses por hora.

4. Porque você conhecerá as belezas naturais do Canadá durante o intercâmbio

intercâmbio no canadá

Fazer intercâmbio é muito mais do que aprimorar uma língua. É uma oportunidade única para conhecer o país de destino, desde os pontos turísticos até aqueles pouco conhecidos, mas repletos de charme! O estudante que escolhe fazer intercâmbio no Canadá também está optando por explorar belezas naturais de tirar o fôlego. Em Vancouver, por exemplo, é possível ver montanhas com neve enquanto você curte a praia. Já imaginou ver esse contraste pessoalmente?

Niagara Falls, Rocky Mountains, Saskatchewan e Whistler são alguns dos lugares mais bonitos do Canadá, quiçá do mundo. Se você adora viajar pelo mundo e se conectar com a natureza, o Canadá talvez provavelmente é o destino ideal para o seu lifestyle.

5. Custo de vida e moeda local

A quinta e última razão para fazer intercâmbio no Canadá e que faz o país ser o campeão no ranking dos destinos preferidos pelos intercambistas do Brasil é, sem dúvidas, o custo de vida e a moeda local.

Morar no Canadá é bastante acessível na comparação com países como Estados Unidos ou Reino Unido, posto que  a valorização do dólar canadense frente ao real é muito mais equilibrada do que o dólar americano, euro e libra. 

Estima-se ainda que o custo mensal no Canadá é de CAD 1200 em cidades como Toronto e Vancouver. No entanto, e cidades mais afastadas dos grandes centros, o custo pode ser até 20% menor.

E aí, curtiu as nossas razões? Conta pra gente nos comentários e aproveite o conteúdo para entender se o destino combina com o seu estilo de vida e objetivos pessoais e profissionais. 

A Experimento está com uma promoção incrível para você realizar o seu sonho de fazer intercâmbio no Canadá. Entre em contato com a nossa equipe de Experts e dê mais um passo rumo à realização. 

 

Autor
Experimento Experimento

A Experimento é pioneira no segmento de intercâmbio cultural, com mais de 50 anos de atuação no Brasil, é a maior rede especializada exclusivamente em intercâmbio cultural do país.

Formulário de Orçamento

Descubra mais sobre sua próxima experiência

Curso de idiomas
Programa de férias
High School
Au Pair
Work & Travel
Extensão Universitária
Programas Profissionalizantes
Study Abroad
Travel Plus
Trabalho Voluntário